Alain de Botton e a escola da vida

26 Out

por Bárbara Bom Angelo

Sou fascinada por Alain de Botton. Ele é o autor de Ensaios de amor, A arquitetura da felicidade e A arte de viajar – o meu preferido. Gosto tanto dos seus textos porque costumam ser sobre coisas óbvias, mas que não encaramos com a complexidade e importância devidas. Ele tem o dom de falar por horas sobre como obter sucesso na vida sem parecer uma palestra de autoajuda (veja o TED dele aqui).

Ele simplifica as coisas sem torná-las rasas. Não é à toa que conseguiu difundir as idéias de Proust entre os mais resistentes a qualquer tipo de filosofia com o livro Como Proust pode mudar sua vida.

Em 2008, Botton decidiu fundar em Londres a School of Life. A instituição nada mais é do que o título já explica: uma escola para a vida. Como assim? Em vez de cursos de contabilidade, marketing e outros vícios corporativos, as aulas são voltadas para questões mais, digamos, pessoais.

Alguns dos temas tratados: como encarar a morte, como ser cool, como fazer a diferença, como ser um bom amigo, como fazer o amor durar, como passar o tempo sozinho…

Em vez das aulas em esquema mais parecido com o tradicional, também é possível optar por frequentar as refeições da escola. Em meio ao café da manhã, almoço, café da tarde ou jantar, pessoas desconhecidas conversam sobre seus medos, idéias, vontades e o que mais quiserem botar sobre a mesa.

Bobagem? Autoajuda empacotada em um embrulho mais atraente? Não acho. Com um pouco de humildade e falta de vergonha na cara, é fácil admitir que de tempos em tempos precisamos de alguns conselhos para as besteiras que se instalam em nossa cabeça e que não temos coragem de dividir para não parecermos fracos e insuficientes.

E para quem gosta tanto do Alain de Botton como eu, ou apenas quer conhecer mais do seu trabalho, no começo desse mês de outubro ele lançou seu mais recente livro: Uma semana no aeroporto, que narra a experiência de ter ficado por 5 dias inteiros no aeroporto de Heathrow, em Londres, e suas percepções sobre as pessoas que ali passaram.

3 Respostas to “Alain de Botton e a escola da vida”

  1. Ayr Tavares Dezembro, 29, 2011 às 7:50 pm #

    Estou ansioso para conhecer, e frequentar, a Escola da Vida. Quando poderemos cuidar da instalação da Escola em nossa cidade de Niterói? Em Niterói já temos o nosso Clube de Pensadores que, em linhas gerais, persegue os mesmos objetivos levantados por Alain de Botton.
    Ayr

Trackbacks/Pingbacks

  1. Tweets that mention Alain de Botton e a escola da vida « Verdades particulares de um caderno sem linhas -- Topsy.com - Outubro, 27, 2010

    […] This post was mentioned on Twitter by Bárbara Bom Angelo, Natália Albertoni. Natália Albertoni said: Alain de Botton e a escola da vida: por Bárbara Bom Angelo Sou fascinada por Alain de Botton. Ele é o autor de En… http://bit.ly/bOu5AA […]

  2. Miranda July na School of Life « Verdades particulares de um caderno sem linhas - Novembro, 7, 2011

    […] da Escola da Vida, do amado Alain de Botton? Pois é, no dia 23 de outubro, Miranda July passou por lá para dar uma […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: