E se você acordasse no escuro?

11 Fev

por Natália Albertoni

Todos os dias, durante quatro meses, a cada ano…  na escuridão. Eu já tenho dificuldade para acordar pela manhã, mas se o dia fosse uma eterna madrugada gelada e sombria, nem imagino como seria a minha vida. No documentário Wake Up the Town, de Doug Pray, o diretor acompanha a vida de pessoas que enfrentam essa realidade.

Habitantes de uma cidade próxima ao Pólo Norte, ficam sem luz natural durante longas 11 semanas. Perder a cor da pele neste caso é o de menos. Sem o brilho do sol, ficam mais cinzas de espírito. Em um dos depoimentos, uma entrevistada diz que, às vezes, não sabe se é noite. Então vai ao mercado. Se estiver fechado, sabe a resposta.

O trabalho tem como base o acompanhamento dessas famílias e sua relação com um despertador diferentão criado pela Phillips. O produto foi desenvolvido para emitir uma iluminação crescente e, assim, acordar essas pessoas de uma maneira mais natural. O aparelho já não é  novidade, mas a ideia é tão interessante que achei bacana dividir com quem ainda não viu.

Dá uma olhada no filminho:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: