#6 Moleskine dos outros

20 Jul

por Bárbara Bom Angelo

Inveja do Bruno Bernardo é uma constância. Inveja branca, que fique bem claro. E um dos motivos que mais atiça esse sentimento é com certeza a sua letra. É daquelas bonitas sem esforço. Simples, mas charmosa. É quase um desenho. Os meus rabiscos ficam bem tímidos ao lado dos dele.

E a criatividade? Ah, a criatividade dele também me desperta inquietação. Parece clichê dizer que um publicitário tem esse lado aguçado, mas nele isso é bem verdade. Sou a beneficiária de presentes caprichados e mirabolantes, que chegam várias vezes ao ano, sem falta. De edredons musicais até bicicleta de cestinha.

Os moleskines servem para organizar esses e muitos outros pensamentos em fileiras tão certinhas como as das fotos. Tudo para as boas ideias não fugirem ao alcance deste planner da Agência África.

Nome: Bruno Bernardo

Onde mora o corpo? Num lugarzinho entre a saúde e a estética

Onde mora o coração? Às vezes em lugares públicos em que a felicidade alcança e às vezes escondido, onde só algumas pessoas conseguem achar.

O que tem nos seus moleskines? Relatos de reuniões, insights de trabalho e lembretes…

Qual a história do seu primeiro moleskine? Ele em si não tem muitas histórias, é só uma mudança de comportamento. A partir do primeiro ficou impossível trabalhar sem ele ao meu lado, o tempo todo.

Ser canhoto é… é aceitar que as coisas não são pensadas pra você. É entender que precisamos nos adaptar, algumas vezes nos sacrificar e, no final das contas, até ter um pouco de história pra contar por causa disso.

Sei que a música te motiva bastante no trabalho. Qual a trilha sonora atual? Uma playlist de correr que passa por Mika, Phoenix, The Killers, Coldplay, Beth Carvalho, Novos Baianos, She & Him etc.

Como é o Bruno planner de agência? Incansável na busca de entender os consumidores, as marcas e dar suporte para o resto do time. Determinado.

E o Bruno planner da vida? Um sonhador com os pés no chão, se é que isto é possível. Cheio de sonhos, mas com caminhos já traçados pra chegar lá.

Em que momento a sua mente relaxa e deixa as pressões diárias para trás? É difícil desligar, mas na hora que sonho acordado com planos com a minha namorada, quando jogo bola, quando assisto a um jogo ou quando alguma atividade realmente me consome.

Qual a última coisa que você pensou ontem antes de dormir? Bora pra mais uma semana, tomara que que seja boa…

Onde foi parar a pessoa que você queria ser? Logo ali na frente. Ainda não sou, mas acho que vou ser.

Qual é o melhor gosto da infância? Da inocente irresponsabilidade com o amanhã.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: