Tag Archives: feriado

Meu feriado foi assim…

9 Mar

Depois de uma quebra na rotina…

22 Abr


Daqui.

Quando apareceu um moço

30 Out

por Natália Albertoni

As minhas longas tardes na redação são recheadas de bolos de chocolate, bolachas e balas gostosinhas trazidas por um e outro que tem disposição de subir a Heitor Penteado e se aventurar a caça de guloseimas da padaria Leticia.

Entre uma mordida impensada e outra palavra dedilhada que aparece na tela para complementar meus textos, tranquilizo a mente a ouvir melodias disponíveis nos vastos bancos digitais de canções, Grooveshark e You Tube.

Todos os dias escolho um cantor, intérprete, compositor que obrigo a revisitar meus ouvidos repetidamente. Na maioria das vezes insisto em uma única música. Hoje é o dia de “Devolve, Moço”, de Ana Cañas, receber minhas inúmeras visitações.

Já perdi a conta de quantas vezes apertei o play enquanto sonho acordada com a areia a brincar de fazer cócegas nos meus pés e a água salgada a endurecer meus finos fios de cabelo neste feriado. Se quiser viaje comigo…

Devolve, Moço
Ana Cañas

Existe aqui uma mulher
Uma bruxa, uma princesa,uma diva
Que beleza
Escolha o que quiser
Mas ande logo
Vá depressa
Nem se atreva a pensar muito
O meu universo ainda despreza
Quem não sabe o que quer
Meu coração eu pus no bolso
Mas apareceu um moço que tirou ele dali
Não, isso não é engraçado
Um coração assim roubado
Bate muito acelerado

Devolve, moço
Devolve, moço
O meu coração pro bolso

Circo de lesmas para alegrar o feriado chuvoso

11 Out

Super Jam no Teatro Mars

10 Jun

por Bárbara Bom Angelo

O lugar é extremamente escuro, com uma decoração nada suntuosa e algumas vezes enche tanto que o calor fica insuportável, mas não adianta, quem gosta de um bom samba-rock acha difícil encontrar melhor lugar do que o Teatro Mars.

E nesta véspera de feriado de Corpus Christi, a casa preparou um encontro de 24 músicos para uma Super Jam. Estarão por lá componentes de algumas bandas tradicionais do Mars, como Clube do Balanço, Sambasonics, Sambasoul e Opalas.

Os que vão viajar não precisam ficar fora dessa. Desde sábado passado (6), os shows são transmitidos ao vivo pelo site. Bacana, não?

Vá:
Super Jam no Teatro Mars
10 de junho
Mulheres – R$ 20 | Homens – R$ 25
rua João Passalacqua, 80 – Bela Vista
(11) 3105-8950

Maracatu do Alves

17 Abr

por Natália Albertoni

Ao contornar a praça enfeitada por cachorros brincalhões e seus companheiros de coleira, crianças com bichinhos de pelúcia a passeio, ou jovens que compartilham cigarrinhos deitados no confortável tapete verde natural, já é possível ouvir a batucada que brota nos fundos da Escola Estadual Profº Antônio Alves Cruz e transborda pelas fissuras para atrair curiosos.

O som emana dos tambores artesanais manejados pelos frequentadores das oficinas oferecidas pelo Projeto Calo na Mão – que busca disseminar o Maracatu de Baque Virado e revelar a influência da cultura negra na formação do país – nos ensaios do Maracatu Bloco de Pedra, mais conhecido como “Maracatu do Alves”.

Maracatu de Baque Virado ou Maracatu Nação é uma manifestação cultural brasileira de raiz afro e procedência religiosa. Originário de Pernambuco, principalmente Recife e Olinda, é uma mistura das culturas ameríndias, africanas e européias.

Além de estudar as toadas, a dança e os baques das nações pernambucanas, o encontro semanal tem como objetivo proporcionar melhorias à escola-sede. Os ensaios são abertos e acontecem todos os sábados, a partir das 14h.

Também são organizadas oficinas para construção de instrumentos e de introdução ao Maracatu. Para saber mais sobre as atividades oferecidas pelo projeto Calo na Mão clique aqui. Uma boa opção para quem fica por aqui no feriado. Vale à pena conferir!

***

Vá:

Maracatu Bloco de Pedra
Onde: Escola Estadual Profº António Alves Cruz
Rua Alves Guimarães, nº 1511, Vila Madalena (esquina da Av. Heitor Penteado)
Quando: Todos os sábados das 10h às 17h (construção e manutenção de instrumentos das 10h às 14h e ensaio das 14h às 17h)
Grátis

Feliz ano velho

25 Fev

por Bárbara Bom Angelo

De volta ao marasmo da cidade? Aproveite para transformar suas fotos tiradas no feriado em lembranças dos antigos carnavais. Para tanto, basta entrar aqui nesse site em japonês. Pois é, apesar da língua indecifrável, o mecanismo é bem fácil, não precisa baixar programa nem nada. É só escolher uma imagem de suas pastas no computador, apertar o botão azul embaixo e salvar a nova versão da sua folia!

Minha irmã e eu fantasiadas de odaliscas

Minha irmã e eu fantasiadas de odaliscas