Tag Archives: Recife

Los Hermanos de volta e no Nordeste

5 Ago

por Bárbara Bom Angelo

Bruno Medina acabou com o mistério sobre a volta dos Los Hermanos postando ontem em seu blog a notícia de que a banda irá fazer três shows pelo Nordeste do país em outubro. Veja abaixo o texto completo:

Então

…vamos falar sobre os shows do Los Hermanos?

Pois bem, após um certo suspense – acreditem, essa não era a intenção inicial – podemos, finalmente, confirmar os shows que acontecerão em outubro.

Ao longo dos últimos meses, alguns aspectos da mini-turnê, por assim dizer, assumiram cursos imprevistos, o que gerou contratempos, claro, mas também acabou culminando numa grata surpresa: a adição de mais uma data.

Da minha parte – e acho que falo também pela banda – estamos bastante felizes com essa oportunidade de cair na estrada juntos, tocar nossas músicas e nos divertir, como nos velhos tempos. Os ensaios estão agendados, os equipamentos expostos ao sol para tirar poeira, e uma ideia de set list já pipocando na cabeça. A partir de hoje é contagem regressiva!

LOS HERMANOS – Mini-Turnê 2010

15/10 – RECIFE – Cabanga Iate Clube

16/10 – FORTALEZA – Ceará Music

17/10 – SALVADOR – Concha Acústica

p.s: Não tenho ainda informação sobre a venda dos ingressos, mas, assim que houver detalhes a esse respeito eu aviso.

Prazer, Lulina

16 Out

por Bárbara Bom Angelo

Lulina tem uma voz mansa com um sotaque carregado de felicidade. Tem támbem uma doçura e letras despretensiosas. Tão sem compromisso em atingir um certo padrão, acabou trazendo verdade e um gostinho de humor aos meus ouvidos.

Ela vem lá do Recife e já lançou 9 discos caseiros, como me contou a Folha, mas só agora gravou o seu primeiro álbum em um estúdio. E foi com esse, Cristalina, que eu a conheci e me encantei. Achei o CD inteiro para baixar aqui, acompanhado de uma resenha pra lá de poética do Xico Sá.

cristalina

Um novidade velha

9 Abr

por Natália Albertoni

Sentada numa confortável cadeira de escritório, depois de tomar banho, já de pijama estampado por guloseimas cor-de-rosa e a toalha envolvendo os cabelos úmidos, o que você ouviria? Eu escutaria o básico: Chico, Ney interpretando Cartola, alguma novidade estranha e algo bem das antigas para finalizar e ir dormir. Mas, por sugestão de um amigo, que ultimamente anda apaixonado pelos embalos pernambucanos, resolvi experimentar o som da olindense banda Eddie.

Eu com 23 aninhos e o grupo com quase 20 de carreira, ainda não tínhamos sido apresentados. E só agora, depois de quatro cds lançados, – Sonic Mambo (Roadrunner, 1998), Original Olinda Style (independente, 2002), Metropolitano (independente, 2006) e Carnaval no Inferno (independente, 2008) – algumas turnês pela Europa e pelo Brasil,  é que pude me deliciar com as letras divertidas e a melodia à la “Lisbela e o Prisioneiro” (de Guel Arraes).

Após várias formações, hoje a banda é composta por Fábio Trummer (guitarra e voz) – compositor de “Quando a Maré Encher”, que percorreu o país nas vozes de Nação Zumbi e Cássia Eller – , Urêa (percussão e voz), Andret (trompetes, teclados e samplers), Kiko (bateria) e Rob (baixo).

Eddie esteve por aqui na semana passada e fez uma apresentação no Studio SP que eu, infelizmente, perdi. Agora  segue com shows baratinhos pelo interior de São Paulo em unidades do SESC. Longe para mim, mas quem sabe nem tanto para você que pode estar de pijama, lendo isso aqui, ouvindo Eddie no MySpace…